Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Pensão Lisbonense

Águas correntes, quentes e frias.

Pensão Lisbonense

Águas correntes, quentes e frias.

A faxina

 

O vídeo e as consequentes notícias sobre o preso do estabelecimento prisional de Paços de Ferreira oscila entre o preocupante e o caricato. A intervenção de seis elementos (6!) do Grupo de Intervenção de Segurança Prisional e a punição com um disparo de uma Taser pela imundice na cela é de uma violência extrema, para mais quando é assegurado nas notícias de hoje que nunca houve indicação para tratamento do foro psiquiátrico, apropriado para uma patologia desta natureza (v. descrição da imundice na cela). Por outro lado tenho pena de não escrever para as Produções Fictícias. Bastaria o monólogo do chefe do GISP para um sketch de sucesso. "Enquanto não se comportar como um ser humano, vai ser altamente violentado" é uma frase digna de Beckett. Como cenário, um preso tatuado em cuecas, um elemento dos GISP com um escudo do Hulk, uma caveira no capacete, o Alfa com a Super 8, uma Taser pronta a disparar e meia dúzia de baldes e esfregonas. "Filma a cela, Alfa, filma a cela bem filmada em todos os cantos. C%#"%... Quero essa merda bem filmada!".

3 comentários

Livro de Reclamações